"Quem caminha em direção a si mesmo corre o risco do encontro consigo mesmo. O espelho não lisonjeia, mostrando fielmente o que quer que nele se olhe; ou seja, aquela face que nunca mostramos ao mundo, porque a encobrimos com a persona, a máscara do ator. Mas o espelho está por detrás da máscara e mostra a face verdadeira." (Carl Gustav Jung)

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Imperfeição

Quero escrever o verso perfeito
e para tanto me dedico com exaustão.
De minha poesia saem apenas frases de efeito.
Isso porque falta-me inspiração.

Para um poeta é sempre importante a paixão,
porém onde ela se encontra?
Sou como uma estrada de única mão,
deserta, incompleta, sem saída e sem fim.
Nada me conforta,
apenas a solidão
dos dias me confronta.

Às vezes só sei que nada sei,
entretanto certeza tenho que não sei o que será de mim...

Nenhum comentário: