"Quem caminha em direção a si mesmo corre o risco do encontro consigo mesmo. O espelho não lisonjeia, mostrando fielmente o que quer que nele se olhe; ou seja, aquela face que nunca mostramos ao mundo, porque a encobrimos com a persona, a máscara do ator. Mas o espelho está por detrás da máscara e mostra a face verdadeira." (Carl Gustav Jung)

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Menina

Metonímia
de linda melodia

Virginal
Colossal
Tu és especial

Utopia do meu sonho
Filosófica tu sois
Decifrar-te faz-me risonho
e me diz como
sou um grande bobo.

4 comentários:

Anônima Apaixonada disse...

Seus poemas são lindos, tocaram meu coração.

Jefferson Assunção disse...

Aleluia alguém gosta dos meus poemas. hehe

Quem é você, garotinha? Só gostaria de saber de onde vem tão singelo elogio.

Anônima Apaixonada disse...

Eu sempre entro no seu blog, leio seus poemas e somente hoje criei coragem para comentar, mesmo assim como anônima. Percebi que de um tempo pra cá você está postando muito sobre o amor, teria alguém já ocupado seu coração?! Quem sabe algum dia criarem coragem e revelarei quem realmente sou.

Beijos

Jefferson Assunção disse...

Ocupa sim, mas nunca terei ela. Já desisti, inclusive.

Bom, se quiser se revelar, me mande um e-mail, q eh mais pessoal:

assuncao33@hotmail.com

Bjs